Chamadas Frias: o que é e 3 modelos para o time comercial

Chamadas Frias

Aumentar as taxas de conversão com as Chamadas Frias é possível. Afinal, com as técnicas certas, a boa e velha ligação ainda faz a diferença para convencer alguém a comprar.

Essas ligações aproximam os vendedores dos leads e clientes. Além disso, elas contribuem para criar um relacionamento de confiança entre eles.

Dessa forma, é importante que você conheça:

  • O que são Chamadas Frias;
  • 3 modelos para o time comercial.

Bom aprendizado e conte com o sistema de CRM da Linkseller para fazer a gestão da equipe de vendas. Assim, ficará mais fácil acompanhar resultados e avaliar o desempenho (individual ou coletivo) com as estratégias que aprenderá aqui.

O que são Chamadas Frias?

Em primeiro lugar, embora tenha esse nome, as Chamadas Frias deixaram de ser frias há muito tempo. Hoje, os telefonemas dos vendedores são embasados em uma série de informações sobre quem estão falando.

Afinal, a internet e as facilidades tecnológicas permitem uma compreensão maior de quem é o indivíduo e do que ele precisa. Não é mais falar com um desconhecido.

Entretanto, esse nome ainda é usado, pois é um contato realizado à distância, não presencial.

Porém, além disso, esse ato tem como base a sua realização no momento certo e com a linguagem e mensagem adequadas. Por isso, você confere na sequência os modelos mais comuns.

3 modelos de Chamadas Frias para o time comercial

Chamadas Frias_modelos

Em primeiro lugar, lembre-se de pesquisar quem é o seu público, como ele se comporta e, especialmente, sobre os tomadores de decisão.

Da mesma maneira, identifique a jornada de compras, assim como defina os momentos de contato desse caminho.

Então, é hora de colocar em prática as técnicas básicas das principais situações onde as Chamadas Frias acontecem.

1) Personalize, especialmente nos primeiros contatos

Ninguém quer ser mais um dentro da lista de contatos. Assim, os leads ou clientes precisam se sentir únicos e exclusivos.

Dessa forma, a melhor maneira de fazer isso é personalizando seu discurso. Mas, atenção: isso deve ser feito desde o primeiro contato para estabelecer confiança.

Para criar familiaridade e empatia, fale não só o nome da pessoa, mas aspectos básicos da rotina dela, como:

  • “Tenho um amigo que trabalhou aí, ele sempre me falava XXXXX, você concorda?”;
  • “Tive a oportunidade de estudar na universidade {nome}, sei que você também passou por lá. O que estudou?”.

O cuidado aqui é não exagerar, pois se você parecer intrometido, já era. É claro que você usará essa técnica depois de se apresentar brevemente. Porém, sua oferta só deve aparecer se a conversa fluir.

2) Se for deixar recado ou ouvir “não tenho tempo agora”

Em segundo lugar, não é sempre que você será atendido ou poderá ter a atenção do interlocutor nas Chamadas Frias. Portanto, se o lead ou cliente não puder falar, ligue depois, perguntando o melhor horário para retomar o contato.

Porém, se o problema for “tempo”, seja simpático e diga:

“Sei que esse pode não ser o melhor momento para falarmos, mas tenho uma solução de valor para você. Muitas pessoas me disseram o mesmo, mas depois de conversarmos mudaram de ideia e tiveram excelentes resultados. Posso ter dois minutos da sua atenção para que você avalie se vale a pena?”

Entretanto, se tiver que deixar uma mensagem de voz ou fazer um follow-up por recado, a técnica é outra:

“Olá, {nome}. Sou eu {nome}, da empresa Linkseller. Tudo bem? Falamos na semana passada e fiquei de te retornar para marcarmos uma nova ligação. Aguardo uma nova oportunidade para falarmos, pois tenho certeza que o nosso sistema de CRM aumentará exponencialmente seus resultados. Obrigado (a) pela atenção. Até logo!”

Lembre-se: o primeiro contato nunca deve ser por mensagem de voz. Insista caso não seja atendido. Também vale a pena retornar se não conseguir falar, mesmo deixando o follow-up gravado.

3) Para indicações

Por fim, essa é uma das situações ideais do processo de vendas. Afinal, solicitar indicações ajuda a garantir leads qualificados. Então, nesses casos, as Chamadas Frias devem ser:

“Olá, {nome},

Me chamo {nome} e tive uma conversa com {nome}. Como você deve saber, ele tem tido ótimos resultados com o sistema de CRM da Linkseller, inclusive aumentou a taxa de conversão.

Em conversa com ele(a) sobre quem poderia se beneficiar com essa ferramenta você foi citado. Então, gostaria de uma oportunidade para te mostrar como alcançar esse e outros resultados. Topa marcarmos uma conversa?”

Esse modelo também serve para relações B2B, ok?

Agora, é treinar seu time de vendas para usar as Chamadas Frias corretamente e fazer seu teste gratuito de até sete dias do CRM da Linkseller.

Assim, suas ações estratégicas ficarão mais fáceis e rápidas, você poderá padronizar mensagens, automatizar processos e acompanhar os resultados tanto na prospecção quanto ao longo da jornada de compra. Boas vendas!