Home office comercial: o que não pode faltar?

Existe um novo modelo de trabalho dominando o mercado de vendas: o chamado home office comercial. Nessa modalidade, a gestão de tarefas e resultados e o acompanhamento do time são feitos remotamente.

Dessa forma, são usados principalmente softwares, aplicativos e ferramentas online para gerir a equipe e definir metas. Na sequência deste texto você poderá conferir:

  • O que é o sistema home office comercial;
  • Quais são as características principais de um representante comercial remoto;
  • As tendências do home office comercial;
  • Como os sistemas de CRM podem ajudar no work out off office.

O que é o sistema home office comercial

Para início de conversa, é conhecido como “trabalho em casa” a categoria de serviço onde a empresa permite que o colaborador faça suas tarefas fora do ambiente corporativo. O contato do profissional com a organização, clientes e outros públicos de interesse é feito por e-mail, telefone, videoconferência, entre outros recursos, principalmente online.

No home office comercial, como boa parte das equipes já é externa, essa metodologia deixa o vendedor mais próximo dos clientes. Entretanto, embora essa seja uma vantagem, é preciso contar com profissionais habilitados e comprometidos para ter o resultado esperado. Afinal, liberdade não deve, mas pode, ser sinônimo de preguiça.

Por isso, mais do que nunca, nesse tipo de trabalho é fundamental ter acompanhamento em tempo real. Isso é conseguido através do uso de softwares, por exemplo, e também pelo registro de atividades ou de horário. O controle do trabalho remoto pode ser mais desafiador, porém com os sistemas certos tende a dar resultados melhores e mais lucrativos. Você verá mais sobre isso na sequência.

Quais são as características principais de um representante comercial remoto

Então, já que o assunto está no compromisso e controle, vale a pena ressaltar algumas características que um representante remoto deve ter. Elas são essenciais para que o home office comercial funcione. Confira:

– Compromisso: tanto com os horários de trabalho, quanto com as tarefas atribuídas;

– Busca por atualização constante: se deve acompanhar as tendências de mercado, assim como a concorrência. Estar bem informado é estar um passo à frente. Estudar e pesquisar sempre;

– Uso das ferramentas certas: aqui, existem diversos recursos que podem ser usados. Entre eles estão:

  • Sistemas de CRM, como a Linkseller, para gerenciar e compartilhar informações dos clientes, desde a prospecção até o histórico de compras;
  • Aplicativos de organização de tarefas, por exemplo, o Trello e o Wunderlist;
  • Drives para compartilhamento de arquivos e planilhas, como o Google Drive;
  • Interfaces para videoconferências, como o Skype e GoToMeeting;
  • Apps para troca de mensagens, entre eles o campeão WhatsApp e o próprio Messenger do Facebook;
  • Acesso às redes sociais com perfil comercial. É um ótimo ambiente para prospecção, dentre outros.

– Estrutura adequada: é preciso, além dos itens acima, ter uma boa estrutura em casa para o trabalho, com notebook ou computador, um smartphone e um ambiente próprio, calmo e tranquilo para exercer as atividades;

– Trabalhar com propósito: nesse quesito entram dois pontos:

1) Ter metas pessoais e ir atrás delas;

2) Fazer o que gosta: não adianta se dedicar a área de vendas se isso não for parte da sua “alma”. É preciso amar o trabalho para fazer bem, especialmente em home office. O dinheiro será consequência do prazer de exercer determinada função;

– Caprichar na organização: é essencial ter um pacto consigo mesmo para organizar as tarefas diárias, não esquecer nenhum evento ou reunião e, acima de tudo, com a alimentação dos softwares disponibilizados. Assim, não haverá o acúmulo e as obrigações estarão sempre em dia;

– Ficar longe das tentações: dormir até tarde, passear no shopping, assistir televisão, usar pijama…nada disso combina com o home office comercial. Por isso, ele não é para todo mundo e sim para quem sabe aproveitar os benefícios desse tipo de trabalho sem cair em tentação. A produtividade depende da dedicação!

As tendências do home office comercial

Home office comercial - As tendências

Agora que você já entendeu o que é o home office comercial e quais são suas premissas principais, chegou a hora de ter acesso as tendências desse mercado.

A principal delas está na chamada área de pré-vendas. O Sales Development Representative, ou SDR, é o profissional que tem sido mais procurado para esse “cargo”.

Por definição, esse é o vendedor responsável por qualificar o lead e fazer a abordagem inicial, gerando o interesse do possível cliente quanto ao produto ou serviço.

O seu tempo é focado em conseguir oportunidades mais certeiras, facilitando o fechamento da negociação. Isso ocorre devido ao fato desse profissional ser focado em prospecção, uma ação totalmente diferente da venda em si.

Além do SDR, dentro dessa nova forma de trabalho, também existem como tendências:

  • O uso dos novos CRMs, focados em resultados de vendas e prospecção. Eles contribuem para fechar vendas de forma simples e rápida, através do gerenciamento de informações e de leads;
  • Utilização das redes sociais como forma de entendimento e atendimento do público, construção da persona e identificação de necessidades. Lembra a parte de pesquisar e estar sempre atualizado? Entra aqui também;
  • Qualificação técnica para turbinar a equipe e escalar vendas por meio do EAD, ou seja, educação à distância e online;
  • Capacitação para a autogestão, deixando o antigo modelo “chefe-empregado” de lado e dando autonomia ao profissional para exercer suas funções e tomar decisões estratégicas.

Como um sistemas CRM pode ajudar

Por fim, vale um “capítulo” especial sobre o uso de sistemas CRM. Afinal, são por conta deles que há o crescimento do modelo de home office comercial.

Eles hoje são usados tanto para gerenciar equipes quanto para a gestão de contatos, leads e prospects, por meio do cadastro de informações estratégicas. É graças a eles que é possível essa flutuação do time de vendas, já que pelo CRM se pode acompanhar tudo que está sendo feito pelos vendedores em tempo real.

Entre as funções disponíveis nesse tipo de sistema estão:

  • Acompanhamento de metas e resultados. Com relatórios detalhados pode ser checado o desempenho individual ou da equipe;
  • Configuração de hierarquia, podendo escolher aqueles que são gestores, supervisores e vendedores dentro do time, determinando o que cada um pode acessar;
  • Metas e KPIs, podem ser atribuídas individualmente para cada pessoa da equipe;
  • Permitem personalização, como a criação de funis e etapas de vendas, baseado no processo da empresa;
  • Customização de visualização e até inclusão de itens específicos dos processos internos da companhia;
  • Atalhos para iniciar conversas via WhatsApp, de acordo com o cadastro realizado;
  • Ranqueamento de vendedores, com atualização em tempo real de novas vendas;
  • Sistema de gamification, que atribui medalhas online para cada vendedor por bater as metas;
  • Criação de páginas de captura para coleta de leads qualificados, com configuração de campos e geração de formulários. Dessa forma, é possível fazer o envio desse link pelos diversos canais de comunicação utilizados pela empresa de forma remota;
  • Integrações com outros sistemas que facilitam a automação de atividades, como redes sociais, webmail, drives, docs e ferramentas de gestão de tarefas;
  • Possibilidade de segmentação dos clientes, centralizando informações;
  • Automatização de processos, dando mais tempo para que a equipe comercial se preocupe em vender (o que interessa);
  • Controle de atividades.
  • Gerenciamento de lista de contatos;

Já os benefícios que precisam ser oferecidos são:

  • Facilidade no uso, pois são plataformas intuitivas e simples de mexer, ideais para gerenciar leads e funis;
  • Versatilidade, pois podem ser configurados e personalizados para todo tipo de negócio;
  • Foco em vendas, ou seja, em resultados, mas sem deixar de lado o cliente;
  • Controle total do processo, pois fornecem informações e lembretes em tempo real sobre as atividades da equipe de vendas e fechamento de negociações;
  • Redução do Ciclo Médio de Vendas, já que disponibiliza dados sobre ganhos e perdas, facilitando a tomada de decisão sobre as ações que devem ser focadas;
  • Acessibilidade. Por ser uma ferramenta online e estar na nuvem, suas informações ficam disponíveis 24 horas e podem ser acessadas de qualquer dispositivo móvel conectado à internet, sempre que for necessário;
  • Atualizações automáticas, ou seja, você não precisa se preocupar em ficar conferindo se a versão do CRM é a mais recente.

Bom, com tantas funções e vantagens você já percebeu o quanto os novos sistemas de CRM podem facilitar a rotina do home office comercial e melhorar a qualidade do trabalho feito pelo SDR e demais membros da equipe.

Embora existam muitas ferramentas necessárias para garantir o sucesso e o boost das vendas, o CRM sem dúvida é uma das mais completas, personalizáveis e confiáveis para engajamento de todo o time.

Portanto, escolha as tecnologias certas, assuma um compromisso com você mesmo (além da empresa para onde trabalha) e perceba o quanto os resultados crescem e aparecem, sem você deixar de lado a sua qualidade de vida. Afinal, o home office comercial, além de lucros, também te possibilita ter mais tempo para estar perto de quem é importante e fazer o que você gosta!

Procurando por um CRM ?

Linkseller é uma verdadeira máquina de vendas feita por especialistas, simples e inteligente, que ajuda a organizar o seu processo comercial e estrutura.

Você poderá de forma muito simples cadastrar a sua equipe de vendas, definir uma hierarquia e permissões para limitar o que cada um pode acessar.

Além de poder configurar o seu funil de vendas e criar campos personalizados de acordo com o seu processo de vendas.

E poderá ver tudo isso em um dashboard incrível.

Veja todos os nossos recursos e crie uma conta ainda hoje, para saber como o nosso CRM pode ajudar a sua empresa a acelerar as vendas.

Comentários